Ações ACAD na pandemia COVID19

Desde o início do fechamento das academias, diretores da ACAD têm interagido com representantes de governos municipais, estaduais e de autoridades do governo federal.

Esse trabalho intenso permite que a Associação seja ouvida em pleitos e sugestões de enfrentamento.

A ACAD tem apresentado a Cartilha de procedimentos de reabertura – 05/06/2020 (clique para baixar), garantindo assim a segurança de colaboradores e seus clientes, e impedindo que sejam aprovadas normas que inviabilizem o funcionamento das academias. O material produzido pela ACAD tem base na reabertura já experimentada por outros países e em recomendações da OMS. Caberá ao poder público de cada região avaliar o momento mais adequado para a retomadas das academias.

 

Ministério da Economia

  • A ACAD faz parte do grupo de trabalho de Serviços Continuados do Ministério da Economia, onde colocamos nossos pleitos e sugerimos soluções.
  • O setor de academias tem receita zero na pandemia, mas ACAD já fez o governo federal perceber essa situação crítica e vai ser amparado nas próximas medidas de auxílio aos setores mais prejudicados.
  • Dia 5 de maio, a ACAD participará da 2ª reunião deste Comitê para fazer novas colocações e solicitar auxílio nos pontos que ainda não foram contemplados para o setor.

“Estamos sendo percebidos, pelo governo federal, como um dos setores mais afetados. Fomos convidados a sentar à mesa e debater soluções para a economia do país. A cartilha elaborada pela ACAD com orientações de como as academias devem proceder para a fase de reabertura já está com o Ministério da Economia, nas mãos do secretário de Produtividade, Emprego e Competitividade, Carlos Alexandre da Costa”, disse Gustavo Borges, presidente da ACAD.

 

Governo de São Paulo

  •  A ACAD participa das reuniões com o secretário de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo, Sérgio Sá Leitão, para tratar das fases de reabertura, e esperamos que o material apresentado pela Associação seja adotado pelo governo do estado.
  • Em São Paulo, a fase de reabertura dos negócios está prevista para ter início, de forma gradual e responsável, a partir de 11 de maio. Muitos países iniciaram a retomada após 40-60 dias do início do lockdown.
  • Nos próximos dias, a ACAD vai participar de reuniões que vão estabelecer cronograma de reabertura das academias, bem como dos protocolos a serem adotados.

“A equipe ficou bem impressionada com os vídeos e a cartilha produzidos pela ACAD, com chancela da Universidade de São Paulo – USP, sobre procedimentos para reabertura das academias. Por isso, tem grande chance de ser adotado pelo governo de São Paulo para a próxima fase de reabertura progressiva de comércios e empresas”, diz Edgard Corona, vice-presidente da ACAD.

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

2 Comentários

  1. Boa noite! Vcs me fazem acreditar em dias melhores…me sinto totalmente desamparada com a atuação do cref. Obrigada a ACAD pelo profissionalismo e por nos representar tão bem diante deste cenário tão triste que estamos vivendo. Vcs me representam!!!!

    • Melissa, ficamos imensamente gratos pelo seu feedback! Você pode ter certeza de que estamos trabalhando para minimizar os efeito da crise para o setor do fitness. Conte conosco! 💪


Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp chat