Como as políticas públicas influenciam no setor de academias?

Seja com o intuito de cuidar da saúde ou da aparência física, muitos brasileiros possuem o hábito de frequentar uma academia. Por isso, muitos empreendedores veem uma oportunidade neste modelo de negócio e decidem investir no segmento.

Segundo relatório desenvolvido pela IHRSA, órgão que é referência no setor, o Brasil conta com mais de 34 mil academias e configura em segundo lugar entre os países com maior número de estabelecimentos do meio fitness.

Para que o setor consiga se desenvolver e trazer cada vez mais resultados, é importante que o mercado fitness lute, em conjunto, pelos avanços desta área.

 

Como? É aí que entra a ACAD Brasil!

Agindo em prol do segmento, a Associação conta com ampla atuação para promover o avanço do mercado fitness, como, por exemplo, na área de políticas públicas.

Você pode conferir aqui como a ACAD atua em prol das academias.

 

Mas o que são políticas públicas?

As políticas públicas são definidas como as atividades governamentais feitas pelos governos em todas as suas esferas: federal, estadual e municipal, sejam ações, decisões ou leis.

Tais atividades podem contar com a participação, direta ou não, de organizações não governamentais e até mesmo a iniciativa privada.

Por se tratarem de programas que impactam diretamente a população, as políticas públicas estão presentes em diversas áreas, como: educação, lazer, cultura, meio ambiente e saúde.

 

E as academias?

Em relação ao universo fitness, é necessário contar com políticas públicas que protejam, fortaleçam e não atrapalhem as atividades do setor.

Para que o desenvolvimento seja cada vez mais eficaz, a ACAD Brasil apoia as academias em diferentes aspectos, sejam eles jurídicos, legislativos ou regulatórios.

Para tal, contamos com uma equipe jurídica composta por profissionais experientes e representantes em diferentes estados brasileiros.

É fundamental que haja o monitoramento dos projetos de lei e defesa contra atos nocivos ao segmento para que haja uma proteção eficiente do setor.

A ACAD Brasil intervém de forma ativa, agindo em conjunto com legisladores e relatores em Brasília, com o intuito de contribuir com tais políticas públicas. Além disso, também intercede em juízo por seus associados por meio de ações coletivas, quando leis e normas nocivas às academias são aprovadas.

O trabalho acontece em duas frentes:

  • Para evitar que a legislação interfira no dia a dia e decisões do gestor da academia, gerando mais normas, processos e, consequentemente, mais custos.

 

  • Proposição de projetos de lei que facilitem a vida do empreendedor. Por exemplo, o Projeto de Lei Academia-Parceira, que “dispõe sobre o contrato de parceria entre academias e demais estabelecimentos de prestação de serviços relacionados a condicionamento físico ou prática desportiva, e profissionais que desejem prestar serviços nesses estabelecimentos”.

 

ACAD Brasil e o fim das fiscalizações ilegais

Um caso de sucesso que demonstra como a ACAD Brasil vem conquistando importantes vitórias para o segmento em prol do fortalecimento do mercado fitness é em relação à Anvisa.

Com a atuação da equipe jurídica da Associação, os órgãos de vigilância sanitária foram impedidos de penalizar academias por conta de fiscalizações exorbitantes e até mesmo ilegais.

Você pode conferir o conteúdo completo sobre esta importante vitória do segmento fitness clicando aqui!

Como posso me beneficiar?

Para que a ACAD Brasil continue agindo em prol do avanço do setor fitness, é fundamental que este segmento permaneça cada vez mais unido!

Promover saúde e qualidade de vida, além de gerar empregos e renda, são algumas ações essenciais para tornar este setor cada vez mais sólido.

Ser um associado da ACAD Brasil fortalece a luta por um segmento mais justo, com regras simples e claras em todas as esferas (municipais, estaduais e federais) e em sintonia com as tendências internacionais do segmento.

Deseja saber mais sobre como nós podemos ajudar você? Não deixe de registrar a sua dúvida nos comentários.

Estamos juntos!

 

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Sem comentário ainda, deixe o seu abaixo!


Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *